100rumos, a melhor forma de viajar em Portugal.

Atualização Setembro

Quarta, Setembro 30, 2020

Ao longo deste 7 meses temos tido o cuidado de estar em permanente contacto com os nosso parceiros, clientes e fornecedores. As preocupações são comuns a todos. Mas assisto e revejo-me na resiliência, na capacidade de reinvenção, de improviso e de adaptação que nós portugueses e o sector do turismo em particular têm.

Partilho uma reflexão: ao longo destes 7 meses, 99% dos nossos clientes não questionaram quais as nossas medidas de protecção ao COVID-19. É um reflexo claro da confiança que depositam em nós e da vontade máxima (e de forma consciente) que todos têm de viajar. Aguardamos ansiosos que sejam restabelecidos procedimentos e regras que sejam uniformes para quem viaja não só da Europa mas também do resto do mundo para Portugal.

Na 100rumos estamos a preparar a nova época! Novos serviços, novos destinos, a mesma qualidade e a mesma responsabilidade para com os que nos escolhem. O site da 100rumos vai passar a ser mais interactivo, mais funcional e mais proximo das necessidades dos nossos clientes. Estamos a trabalhar em roteiros / guias on-line para que o cliente possa continuar a ser guiado por nós, quando escolhe andar pelos seus próprios meios.

Estamos também a melhorar o desenvolvimento de uma maior e mais rápida resposta para irregularidades, não só aéreas, na qual já trabalhamos há alguns anos, mas também marítimas e terrestres.

Na OvO, a nossa plataforma de transferes para todo o mundo, a oferta passará de 70 destinos para 100 destinos.

Estamos activos, com muito trabalho, mais ideias e com vontade de continuar a inovar e a ser a melhor marca de confiança em Portugal.

Obrigado,




Atualização Julho

Quinta, Julho 16, 2020

Passaram 120 dias. Serviram para refletir, re estruturar e reaprender a saber esperar.
A aviação em Portugal, ao dia de hoje está com apenas 25% das rotas que tinha antes da pandemia. A grande maioria dessas rotas são rotas étnicas. O Turismo internacional, aquele com que trabalhamos, está a ter uma retoma muito lenta fruto de todos os condicionamentos impostos por tantos países. O futuro proximo acerca de como as pessoas passarão a viajar é uma incerteza.

Mantemos contudo uma forte preocupação naquilo que é a nossa responsabilidade social nesta era COVID-19: cumpriremos a lei. Cumpriremos os requisitos de segurança e higiene impostos pelo governo. Pela nossa segurança, pela segurança dos nossos passageiros.

Assistimos já, com a pequena retoma que se faz sentir, que o mercado paralelo, aquele que não cumpre a lei ( sem custos nem compromissos, portanto ) está a ganhar terreno. Preços baixos não pode nem deve ser a política a adoptar nestes tempos. Comissões não declaradas devem ser fiscalizadas e fortemente punidas.

Deve haver sim preços justos em função dos novos custos que temos. Faço um apelo a todos os parceiros que trabalham com a 100rumos - não sejam coniventes com ilegalidades. Sejamos solidários uns com os outros e aí sim conseguiremos, pelo menos, sobreviver.

Portugal espera por si. A 100rumos também.




Atualização Junho

Sábado, Junho 13, 2020

Portugal e os Portugueses revelaram-se exemplares na forma como lidaram com a pandemia COVID-19. À data de hoje temos cerca de 250 novos casos em Portugal, sendo a grande maioria na Zona Metropolitana de Lisboa com cerca de 3 milhões de habitantes.

Depois de todas as medidas de segurança e higiene que na 100rumos temos implementadas, anuncio o regresso do serviço door-to-door shared shuttle a partir do dia 15 de Junho. Este serviço no Porto, em Lisboa e na Madeira estará novamente disponível no nosso site.

Apesar da capacidade por Van diminuir (por forma a garantirmos a segurança e a distância entre passageiros) iremos manter as mesmas tarifas.

Para obter condições especiais para venda de parceiros, contacte-nos através do e-mail customercare@100rumos.com.

A operar desde 2012, já transportamos mais de 300 mil passageiros em modo shuttle partilhado. Reserve já o seu lugar!




Atualização Maio

Quarta, Abril 29, 2020

Caros Parceiros, queridos Clientes,

A partir do inicio de Maio, será levantado o estado de emergência em Portugal. Com isto o Governo pretende que a vida social e económica das empresas e da população volte gradualmente à normalidade.
Garantir o distanciamento entre motoristas e passageiros, assegurar a desinfecção dos veículos antes de cada serviço, motoristas estarem protegidos com máscaras, são as principais medidas que vamos implementar e garantir assim que a nossa actividade retome.
Por forma a garantir o distanciamento entre passageiros e condutor, definimos que todos os transferes e tours serão operados en vans de 8 lugares, limitadas a 4 passageiros.
Vamos assim e da seguinte forma assumir o custo operacional destas limitações:

- Pedidos de 1 a 4 pax: vamos operar com 1 van com capacidade para 8 passageiros - aplicar-se-á a tarifa de 1 carro;
- Pedidos de 5 a 7 Pax: vamos operar com 2 vans cada uma com capacidade para 8 passageiros - aplicar-se-á a tarifa de 1 van.

Estas medidas aplicam-se a serviços no Porto, em Lisboa, no Funchal em Faro e em Ponto Delgada. Para destinos fora destas cidades, aplicam-se as tarifas em vigor sendo que só operaremos em carrinha de 8 lugares limitada a 4 passageiros.

- Para pedidos de grupos que impliquem transporte de passageiros em autocarro: serão vistos caso a caso sendo certo que garantiremos a distância entre passageiros.
- Para pedidos de organização de reuniões, eventos, actividades lúdicas ou de negocio, as nossas propostas irão sempre contemplar medidas de segurança, distanciamento e higiene dos espaços a serem utilizados.

Estamos conscientes que reconhecerão o enorme esforço que estamos a fazer por forma a garantirmos que uma viagem não pode ser uma preocupação nem pode estar assombrada pelo medo. Uma viagem é um registo de boas memórias, descanso, risos e vontade de repetir o destino Portugal. . Queremos com estas medidas transmitir-vos que nos preocupamos com a qualidade e com a segurança dos serviços que prestamos aos nossos clientes.

Votos de um rápido regresso à normalidade.




Atualização Abril

Domingo, Abril 19, 2020

Um mês passou desde que nos vimos obrigado a ficar fechamos em casa. Desde então um turbilhão de acontecimentos e outras tantas decisões tiveram que ser tomadas. Tivemos centenas de cancelamentos, dezenas de projectos que não se concretizaram, grupos que cancelaram as suas viagens, casamentos que foram adiados, operadores que suspenderam as suas operações em Portugal. Mantemos contacto com clientes e parceiros, com os quais nos preocupamos sobretudo para nos assegurarmos que todos estão de saúde e que todos estão a tomar as medidas necessárias para logo que possível possam voltar às suas rotinas diárias.
Aproveito para lhe contar sobre o que andamos a fazer. A equipa 100rumos está em casa, a trabalhar em horário muito reduzido, focada na familia, a cuidar dos filhos, dos pais, dos avós e de si próprios.

Seguramente já falaram ( ou escreveram ) com o Max: O Max tem o filho Gabriel de quem toma conta e com quem brinca todos os dias.
O Rafael está a ajudar a mãe na pequena mercearia que teem por baixo da sua casa. A Cátia, ajuda a avó que já é sénior e precisa de todo o apoio. O Carvalho dedica-se à bricolage e à poesia. A Patrícia continua gulosa e tenta manter a forma com ginástica em casa. A Lillian toma conta das suas pequenas Benedita e Maria Joao. O André e a Luciana, que fazem parte da nossa equipa em Lisboa, estão cada um em suas casas com as suas famílias a gerir o tempo para que tudo isto passe. A Luana, a nossa mais jovem e querida estagiária viu-se obrigada a interromper a sua formação com a 100rumos. Está à espera de poder regressar a França, onde tem a sua familia.

E eu, eu estou também por casa a fazer todo os dias aquilo de que mais gosto - cozinhar, por a musica em dia e planear estratégias para a 100rumos poder continuar a ser a sua empresa de referencia para a sua próxima visita a Portugal.
Apesar de estarmos todos ocupados a cuidar de nós e dos nossos, todos os dias a equipa se reúne virtualmente e determina as ações de futuro que cada um vai tomar por forma a estarmos fortes e melhor preparados para cuidar da sua viagem quando visitar o nosso destino.

Nós tal como vocês, paramos. Mas o destino Portugal continua e continuará aqui à vossa espera. Vamos dando noticias. E porque nos preocupamos consigo, vá dando também. Fique em casa. Isto vai passar.




Message from CEO